CNF | Salas VIP de Confins já têm parceria com cartões de crédito

Desde o início do mês de agosto os passageiros que passam pelo BH-Airport em Confins já podem utilizar as duas salas da Ambaar Lounge gratuitamente utilizando seus cartões de crédito.

As salas Ambaar Lounge Doméstica e Ambaar Lounge Internacional (clique nos links para conhecer cada uma delas), agora são parceiras do Priority Pass, LoungeKey e Diners Club Lounges. O acesso gratuito vai depender do convênio entre o banco emissor e o tipo de afiliação no programa de acesso.

Clientes Diners Club com cartões Elo Diners emitidos no Brasil obrigatoriamente pagarão uma taxa devido às regras do cartão.  A Ambaar Lounge ainda negocia uma possível parceria com os cartões Bradesco a exemplo da sala administrada pelo grupo no Aeroporto de Guarulhos, a Star Alliance Gold Lounge no Terminal 3.

Também é possível utilizar a sala pagando uma taxa de uso diretamente na recepção. O valor é de R$ 150 por passageiro na sala doméstica, e R$ 180 por passageiro na internacional.

Vai viajar? Não esqueça o Seguro-Viagem

O MinhaSalaVIP é parceiro da Coris Seguros.  Na Coris você encontra seguro viagem com coberturas específicas para as suas férias, viagem de negócios, intercâmbio ou qualquer outro tipo! Escolha seu destino, faça a cotação do seu seguro viagem e vamos juntos.

Clique aqui para as melhores opções em Seguro-Viagem do mercado.

 

6 Replies to “CNF | Salas VIP de Confins já têm parceria com cartões de crédito”

  1. Prezados,

    Apenas uma correção…

    Elo Nanquim Diners n paga nenhuma taxa para usar a rede Diners fora e aqui no Brasil. Consome das 10 visitas que tem direito por ano. Logo, poderá entrar nessas salas em Confins normalmente sem pagar nada…

    1. Olá David. A regra é da própria Diners criada em 2016 e o Bradesco ou o BB não têm qualquer controle sobre ela. Cartões Diners emitidos no Brasil sempre pagarão uma taxa para utilizar salas VIP da rede em aeroportos brasileiros.
      Infelizmente a Elo não é transparente quanto a isso.

      Nas regras gerais de acesso em salas Diners, se você ler com atenção, há um asterisco ao lado de “acesso gratuito”, mas não há qualquer explicação para o significado desse asterisco.

      1. Mas então, quanto custaria pra acessar com o elo Diners ? E no caso do lounge key já vi que não vale a pena… como agora são Usd 32,00 por visita, fica praticamente o mesmo preço de pagar a entrada avulsa… 🙁

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *